Resenha - Não Fale com Estranhos - Harlan Coben

Leia mais

Resenha - Sedução ao Amanhecer - Lisa Kleypas

Leia mais

O que andei lendo - Maio e Junho

Leia mais

#Resenha - Perdido sem você - Lycia Barros

Olá pessoas,

Tudo bom com vocês?


Hoje a gente vai finalmente encerrar a trilogia O Despertar aqui no blog, e assim, encerrar uma fase muitos romântica minha. (risos).

Comecei o ano lendo "Entre a mente e o Coração" e o ultimo livro que li foi "Perdido Sem Você", como vocês já sabem, eu e comecei a série por causa da Tahis, há uns dois anos atrás com A Bandeja e agora um ciclo de amor e vida com Deus se encerrou para mim, opa, não... acho que não era bem isso que eu queria dizer... Mas, minha caminhada foi absurdamente fortalecia por esses livros e a trilogia não poderia acabar de uma forma melhor.



Essa resenha pode conter Spoilers do primeiro livro. Na verdade vai ter. Mas, leia. Beijos

Em "Perdido sem você" acompanhamos o desenrolar dos fatos que seguem os dois primeiros livros e confesso que eu não gostei muito do Dante em "A bandeja", não vou com a cara desse pessoal que chega para ser a "opção perfeita", mas peguei o "Perdido sem você" para ler porque precisava acabar a série e entender o que aconteceu com nossa Angelina. Logo de cara, só garrei mais raiva ainda de Dante, ele me estressava com toda aquela superficialidade que tinha assumido a vida dele no lugar de toda a perfeição vista antes.

Tenho problemas com o personagem? TENHO.

Até que Emanuel entra na história, parecia estar tudo perdido, mas me perdi completamente, me vi tão envolvida e apaixonada pelo personagem e seu conhecimento / sua sabedoria que eu não consegui mais parar.

SÉRIO, demorei três meses parar ler os primeiros três capítulos e depois disso li vinte e um em uma madrugada.

Em determinado momento do livro percebemos que essa não é a história de um casal, esse não é o livro no qual a fama sobe a cabeça e Dante perde Angelina, essa é a história na qual as "bandejas" do mundo engolem a fé de Dante e podemos perceber como é para um ministro (Dante é ministro de louvor - cantor) cantar uma vida que ele não vive e falar sobre coisas que ele não tem mais a menor base porque se deixou afastar de Deus.



ALGUÉM ME AJUDA A ESCREVER SOBRE O AMOR DE DEUS COMO A LYCIA, AMÉM.

Eu acho que conhecer "O Despertar" me fez ver que existem milhares de histórias de jovens que amam a Deus, mas são corrompidos; Pelo mundo, pelos caminhos que parecem bons, mas não são, ou pelos próprios desejos do coração e ter essa série de livros nos ajuda a visualizar algo antes, ter ideia de tudo antes, entender muito mais de Deus através da experiência dos outros, eu dei muitas gargalhadas com esse livro, mas também, chorei como há tempos não chorava. 
O peso de um ministério é grande, mas é um peso bom, é um peso gostoso, é se sentir responsável pela vida de pessoas que você nem conhece e se esforçar ao máximo para auxiliá-las em sua fé, mesmo que isso signifique ir contra o que queremos muitas vezes... Mas, é gostoso no fim das contas, afinal, o evangelho é baseado em dar, não em receber. E aprendi muito com a Lycia.

E se você não é cristão, ou não acredita em Deus aconselho a ler também, não apenas para entender o que se passa na cabeça ou no coração daquele seu amigo/amiga, mas para saber como é louco e ao mesmo tempo tão incrivelmente real ter um Deus soberano que você nunca vê, mas sabe que fala com você.

Semana que vem eu farei dois posts, um será uma TAG sobre livros nacionais super legal e o outro será um post de curiosidades e novidades acerca do universo de "O Despertar", então espero que vocês voltem para conferir.

Grande Beijo,


7 comentários:

  1. Que legal a história, ainda não conhecia.
    Irei procurar pra ler, gostei.
    Seguindo https://blogdajenny2014.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Arrasou na resenha amo ler livros assim

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que demais a história desta triologia. E que bom conhecer livros que nos prendem, não é? Eu adoro quando um livro me ganha e eu fico louca pra ler as outras partes da sga....heheheh
    Eu não conhecia, mas adorei a forma que contou.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Eu não conheço essa triologia, mas agora estou super curiosa para ler, É sério, já até adicionei na minha lista. Amo livros com esse tema. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Essa trilogia não conheço.. gostei da resenha. Quem sabe não começo a ler no segundo semestre. Parece ser interessante!! Beijos

    ResponderExcluir
  6. A história parece ser um bom alimento para quem já conhece a palavra de Deus e para aqueles que ainda não tiveram a chance de conhecer em sua real essência. Gostei da indicação.

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem?
    Também tenho problemas com Dante e realmente nesse livro " A bandejada" também tanto que até parei de fazer a leitura.

    Adorei sua resenha

    Beijos

    ResponderExcluir

Olá, que bom ter você aqui no meu cantinho, obrigada pela visita e pelo seu comentário, saber a sua opinião é muito importante! Volte sempre!